Vestir a Parte: Vestuário de Crianças em Regência

Coagamento infantil em Regência e como ele evoluiu

Pela primeira vez na História, por volta de 1770, as crianças começaram a ter roupas que foram projetadas só para elas; não estavam mais vestidas como adultos em miniatura. Isso é muito perceptível em retratos da época, os adultos ainda vestindo trajes formais rígidos, enquanto as crianças aparecem relaxadas e livres; os meninos em camisas que são abertos no pescoço, as meninas em simples goiabas com uma faixa na cintura. Muitos especialistas atribuem isso, pelo menos em parte, à influência de Rousseau. Em 'Emile', publicado em 1762, traduzido para o inglês no ano seguinte, ele lidou não só com métodos de criar filhos, mas também com suas roupas. " Os membros de uma criança em crescimento devem ser livres para se mover facilmente em suas roupas: nada deve cãificar o seu adulto ou movimento; não deve haver nada apertado, nada se encaixando de perto o corpo, nenhum cinto de qualquer espécie. As roupas mais simples e mais confortáveis, aquelas que lhe deixam mais liberdade, são o que ele mais gosta. " Como diferente dos vestidos boned e panniçados para meninas e os ternos de cetim para garotinhos de tempos anteriores. Naturalmente, esse processo não foi uma mudança instantânea, mas em 1800 havia permeado todos os níveis da sociedade. O fato mais significativo é que o que as crianças vestiam aos poucos tornou-se o modelo para roupas adultas. Assim, uma jovem menina nascida por volta de 1770 usaria quase o mesmo estilo até os 50 anos! As "calças" que faziam parte do traje dos meninos eram quase universais por 1830 para os machos adultos e ainda hoje são a sua roupa mais importante. princesa Charlotte Mais tarde no período, quando as saias ficaram mais curtas, as vestimentas mais novas da menina começaram a ser mostradas. Em 1811, há uma descrição da princesa Charlotte, então com 15 anos, conversando com Lady de Clifford e "sentada com as pernas estendidas depois do jantar e mostrar [ing] suas gavetas que parece que ela tinha e a maioria das mulheres jovens agora usam". Considerou-se que a Princesa agora era velha demais para tal exibição, mas ela contrariou que a duquesa de Bedfort mostrou ainda mais suas gavetas. No inverno, vestidos podem ter sido feitos de lã, e flanela petticoats usados. O pescoço e o peito estavam muito expostos neste estilo e spencers e tippets usados para aconchego. Cloaks seria usado para viajar e shawls e stoles fizeram sua aparição para a criança da moda. Vista a sua própria garota de moda Regency, clique aqui para o nosso alcance de padrões de vestimenta infantil e bonecos de papel!

1 Comente

quote from this article “…The most significant fact is that what the children wore gradually became the model for adult clothes. Thus, a young girl born about 1770 would wear almost the same style until she was 50!…”

This article indirectly offers more proof that the Rice portrait is likely young teen Jane Austen. Some say the picture couldn’t be a 1780s portrait of Jane Austen because of her style of dress (which was not worn by grown women till some years later).

It is likely that young 12 or 13 year old Jane Austen appears in the portrait wearing a comfortable empire style gown (which little girls of that era wore…). She is not yet “out” in society (I’m assuming) and as an active girl who likes the outdoors, living not in a fancy city but in the country, probably she was still dressed in the comfortable child’s wear of the late 1700s.
designedgenes julho 26, 2020

Deixe um comentário

Todos os comentários são moderados antes de serem publicados